Festival País Sonora ou como agregar espaços para a cena musical alternativa em Porto Rico


Para alguns, é chamado música indie ou alternativa. Para outros, além dos rótulos, música é música. Talvez o que a diferencie, às vezes, seja como ela se move, quase por ousadia, para as margens do mainstream ou da tendência. Por um lado, existe a liberdade criativa, mas também existe a tarefa de autogestão e de agregar espaços para expor outras vozes.

Neste esforço contínuo para manifestar a música alternativa, surge o País Sonora, um novo festival de música alternativa que aspira a agregar mais oportunidades para músicos e artistas porto-riquenhos, – especialmente os independentes – no Centro de Belas Artes (CBA) de Santurce nos próximos dias 5, 6 e 7 de abril.

A vontade de criar este festival surgiu após conversas entre as cantoras e compositoras Melissa Ocasio, Mila, Andrea Cruz e Mildred Eunís no meio de uma turnê musical pela Colômbia, lembrou Ocasio, que também é um dos produtores do evento no âmbito do Não há coletivo Toquemos. Terra. Foi um salto ou talvez uma preocupação sobre como ocupar espaços onde as pessoas não necessariamente imaginariam que poderia soar música alternativa ou indie.



Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here