Profissionais de Tecnologia da Informação preferem trabalhar em startups


A tecnologia, o estilo de vida das pessoas e, claro, alguns empresas estão promovendo o modernização não apenas no nível interno de suas operações logísticas, mas também no ambientes de trabalho amigáveis ​​e colaborativos.

Ambientes de emprego amigáveis ​​têm sido uma tendência na última década, devido ao impulso liderado principalmente pelos patrões nos setor de tecnologia. Exemplo disso é a empresa Connect, originária de Porto Rico, que em seus 12 anos de experiência e presença em cinco países, reuniu cerca de 650 colaboradores.

De facto, na Colômbia, onde a empresa chegou há dois anos, conta com 280 profissionais, que se destacam pela “sua abordagem inovadora à gestão de talentos e pela sua contribuição para o emprego e o crescimento do sector”, segundo um comunicado desta empresa.

Assim, Connect determinou que, em média, a cada mês na Colômbia eles abrem entre 17 e 20 vagas, com picos notáveis ​​em meses como janeiro e novembro, proporcionando oportunidades aos jovens e adultos do país.

Ambiente de trabalho positivo.

Foto:iStock

Recentemente, surgiu a questão de por que os profissionais de TI preferem trabalhar em startups de tecnologia?

Como mencionado anteriormente, parte disso se deve ao ambiente de trabalho. Contudo, atualmente existem outras variáveisque são determinados pelo Connect.

Como você atrai profissionais de TI para startups para seu crescimento?

Esta empresa específica defende um projeto, no qual qualquer pessoa pode reconhecer e recompensar seus pares através de programas como Conecte moedas, independentemente da sua função.

Não se trata apenas de salário, mas também de benefícios

“Não se trata apenas de salário, mas também de benefícios como ambiente de trabalho flexível e possibilidade de folga na sexta-feira a cada 15 dias, o que contribui para aumentar a produtividade“Comentou Conectar.

Com o exposto, essas características sustentam uma cultura amigável nos ambientes de trabalho das empresas.

Andrea Satizábal, Gerente de Desenvolvimento Humano para a Colômbia da Connect, afirmou que esta empresa trabalha constantemente para “liderar a criação de ambientes de trabalho empáticos e colaborativos, com um ambiente inovador e disruptivo que nos torna atraentes para os jovens trabalhadores em busca de oportunidades de crescimento e desenvolvimento.

De onde vem a ideia de ser flexível e oferecer opções de desenvolvimento de talentos?

Pelo menos para a empresa acima mencionada, a flexibilidade é uma resposta e solução para a situação de centenas de colaboradores durante e após o Pandemia do covid-19.

Experiências únicas e especiais para seus colaboradores.

Foto:iStock.

Além disso, foi criado como uma metodologia que ajuda a definir com mais clareza as oportunidades de crescimento e desenvolvimento de cada profissional Dentro da empresa.

“É um sistema de trabalho colaborativo, com escritórios em espaços abertos, onde o a comunicação é horizontalcom foco no alto desempenho e em um ambiente de trabalho amigável, graças ao trabalho da área de Desenvolvimento Humano que incentiva a participação dos colaboradores por meio de diversas iniciativas como ‘Food Fest’, ‘Twin Day’, ‘Connect Games’ ou ‘E – games’, com o objetivo de oferecer experiências que permitam aos colaboradores viver de forma diferente o seu dia a dia profissional”, destacou Satizábal.

Então, pode-se dizer que para além dos ambientes tradicionais, o que importa é a filosofia que promove o crescimento dos colaboradores e, portanto, dos trabalhadores, buscando que eles longe do estresse no trabalho e dos riscos à saúde física e mental.

Um sistema baseado na confiança

As pessoas que adotaram as medidas explicadas acima basearam os seus esforços e colaborações numa questão fundamental: a confiança.

Eles têm a oportunidade de aprender com seus erros e crescer dentro da organização

“As pessoas que trabalham na Connect têm a oportunidade de aprender com seus erros e crescer dentro da organização, o que gera comprometimento e esforço constante para atingir os objetivos estratégicos da empresa. Isso faz com que cada colaborador valorize a confiança e o comprometimento da empresa.“disse Sheilla Contreras, Chefe Regional de Desenvolvimento Humano.

Esse mentalidade de startupaposta na inovação e na flexibilidade para se adaptar às novas exigências e desafios do mercado, de forma a procurar soluções e respostas. Inovativa.

SENHORA DANIELA ORTIZ GONGORA

ÚLTIMAS NOTÍCIAS EDITORIAIS

Leia mais notícias…





Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here