Google Play registra problemas em seu serviço: impede que usuários acessem – Dispositivos – Tecnologia



Vários usuários relataram durante esta terça-feira, 5 de março, algumas falhas em diversas redes sociais. Os primeiros a serem cadastrados foram o Facebook e o Instagram, durante o outono os perfis não puderam ser acessados ​​nem qualquer tipo de conteúdo carregado.

Segundo relatos da plataforma ‘Downdetector’, por volta das 10h28, a falha ocorreu nos aplicativos do conglomerado Meta. Depois das 11h45 da manhã, começou a ser restaurado.

O porta-voz Andy Stone falou através das pessoas afetadas e pedimos desculpas por qualquer inconveniente.”

(Ler: Elon Musk e sua reação marcante no X à queda global do Facebook e Instagram).

Além disso, durante esse período, os usuários expressaram no X (antigo Twitter) alguns problemas que começaram a ter com a Play Store. Segundo eles, o conteúdo do ‘app’ não pôde ser acessado e, também, os downloads foram afetados, o que dificultou o acesso a novos programas no celular.

O mesmo portal de deteção de erros confirmou o sucedido na aplicação da empresa Google, que foi apresentada por volta das 10h00 Além disso, ele compartilhou que uma dificuldade é determinada quando os relatórios são mais significativos do que sua linha de base normal. Isso é monitorado 24 horas por dia.

Entre os resultados compartilhados, as falhas foram medidas da seguinte forma: 61% foram provenientes de pesquisas feitas na Play Store, 26% do acesso a ela e 13% dependeram de downloads.

(De interesse: Como ganhar dinheiro no Twitch? É assim que você pode fazer isso).

Isso também coincidiu com a queda do YouTube. Assim como os demais registros, os usuários compartilharam que, ao usar o ‘app’ de música, também não tiveram resposta. Após o ocorrido, a mesma empresa emitiu uma mensagem pedindo desculpas.

“Obrigado a todos que enviaram notas sobre problemas de carregamento no YouTube. Já estamos trabalhando nisso. Acompanharemos aqui assim que tudo voltar ao normal”, relatou.

Mais notícias no EL TIEMPO

CAMILA SANCHEZ FAJARDO
EDITORIAL DE ESCOPO DIGITAL
TEMPO





Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here